Comparsas do traficante Alanzinho são mortos na Boca do Rio
Comparsas do traficante Alanzinho são mortos na Boca do Rio
Postado por em 12/04/12 - 18-17-29

Na manhã desta quinta-feira (12), foram mortos durante uma abordagem policial, Luciano Santos Castro, irmão e braço direito do traficante Alan Santos Castro, o *Alanzinho*, e um comparsa dele, conhecido como *Mula*.

Os integrantes da quadrilha foram surpreendidos por investigadores da 9ª Delegacia Territorial (DT/Boca do Rio) em uma localidade conhecida como Barreiro de Baixo, na Boca do Rio.

No local a polícia encontrou e apreendeu dois revólveres calibre 38. Durante a ação houve troca de tiros e os criminosos, baleados no confronto, foram socorridos ao Hospital Roberto Santos, no Cabula, mas não resistiram. *Alanzinho* continua sendo procurado.

De acordo com a polícia, outros dois integrantes da quadrilha, um deles conhecido como *Xande*, foram presos, momentos antes do confronto, dentro de um imóvel no Barreiro de Cima, comunidade próxima ao Conjunto Marback. Neste casa, os policiais apreenderam um televisor, roubado há cerca de dois meses, da residência de um comerciante local, cujo imóvel fora invadido por 12 homens armados. Os homens foram conduzidos para a 9ª DT/Boca do Rio, *Xande* e o comparsa, ainda não identificado, serão autuados em flagrante por receptação pela delegada titular, Maria Fernanda Porfírio.

Segundo a polícia, o bando costumava extorquir comerciantes instalados na área do Barreiro, estabelecendo um prazo para que as vítimas entregassem o dinheiro exigido, tudo sob as ordens de *Alanzinho* e de Luciano.

Esconderijo
De acordo com a polícia, uma casa situada no Barreiro de Cima, foi apontada como o esconderijo da quadrilha de *Alanzinho*, estourado por volta de 18 horas de quarta-feira (11).

Na residência a polícia apreendeu 50 pedras de crack e cinco papelotes de cocaína. Além disso, foram conduzidos uma profissional de turismo de prenome Rosa, encontrada no local em companhia do namorado, o usuário de drogas desempregado Felipe Roger da Silva, para a 9ª DT.

A delegada Fernanda Porfírio liberou a mulher depois de ouvi-la, tendo autuado Felipe Silva em flagrante por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Ele está à disposição da Justiça na carceragem da 11ª Delegacia Territorial, em Tancredo Neves.

Reconhecimento
Segundo a titular da 9ª DT, dois dos revólveres citados por Felipe, no interrogatório, estavam em poder de Luciano e de ‘Mula’ na manhã desta quinta-feira. O bando de *Alanzinho* é acusado de uma chacina que deixou quatro mortos, em outubro do ano passado, na Boca do Rio.


AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.
Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Comentários anônimos (perfis falsos ou não) ou que firam leis, princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas podem ser excluídos caso haja denúncia ou sejam detectados pelo site. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, entre outros, podem ser excluídos sem prévio aviso. Caso haja necessidade, também impediremos de comentar novamente neste site os perfis que tiveram comentários excluídos por qualquer motivo. Comentários com links serão sumariamente excluídos.

PUBLICIDADE

PREVISÃO DO TEMPO PARA SEGUNDA-FEIRA 20/10

CURTEM O Alta pressão Online
Publicidade






   INSTITUCIONAL

Portal
Alagoinhas e região


Acreditando na força da notícia
www.redenewsbahia.com.br
 PARCEIROS

 Reality
 TB Pneus
 Lanchonete Sucesso
 A Musical
 Vizom Oticas
 Virgilia
 Poliferro
 Jr Celulares